Embora a Apple afirme que o iPhone OS oferece um excelente nível de segurança para seus gadgets, a firma de segurança nCircle diz o contrário.

Após uma pesquisa realizada com 257 especialistas em segurança (entre 4 de fevereiro e 12 de março de 2010), a nCircle revelou que 57% deles afirmaram que, dos smartphones existentes hoje em dia, o iPhone é o que proporciona maior risco de segurança para empresas.

Em seguida, com 39%, veio o Google Android; o BlackBerry compreendeu 28% dos respondentes e o Nokia/Symbian, apenas 13%. Dos entrevistados, 58% disseram que possuem uma política de segurança corporativa para smartphones e 65% das companhias com essas políticas realmente as levam a sério.

Nesta semana, um iPhone foi invadido em menos de 20 segundos por hackers da Pwn2Own 2010, que conseguiram puxar todo o seu banco de dados de mensagens SMS através de um site comprometido no Mobile Safari.

[via Electronista]