Chris Hughes define seu projeto,o Jumo, como uma plataforma online para aproximar pessoas e organizações em ações a favor da sociedade.

Chris Hughes, um dos fundadores do Facebook e o cérebro por trás da campanha de Barack Obama nas redes sociais, está lançando um projeto chamado Jumo. Trata-se de uma empresa sem fins lucrativos descrita como uma plataforma online que vai conectar pessoas e organizações que “trabalham para mudar o mundo”. 

Embora ainda não tenha divulgado muitos detalhes sobre a empreitada, Hughes afirmou que, para fazer o bem, é importante aproximar as pessoas e organizações com interesses afins, de modo que facilite a captação de recursos e ideias para a realização de ações conjuntas.
O cofundador do Facebook pretende contratar, entre outros profissionais, um diretor de arte e um desenvolvedor. 
Hugues afirmou que, depois do término da campanha que levou Obama à presidência, ele teve a certeza de que queria trabalhar em projetos ligados ao que ele chama de desenvolvimento global e tecnologia, o que inclui diversas áreas, como educação, saúde, segundo relatado em matéria do The New York Times desta quinta-feira (1/3).
Ele disse que passou um ano viajando e conversando com as pessoas para pesquisar e entender que tipo de projetos poderia criar. 
Hughes deixou em 2007 o Facebook, que criou com Mark Zuckerberg, Dustin Moskovitz e Eduardo Severin.